55 11 2639-5776
55 11 2638-2582

Cuidados com a saúde das crianças em viagens

Saúde das Crianças na Viagem

Se preocupar com a saúde na hora de viajar se torna ainda mais importante quando estamos com crianças, pois o seu sistema imunológico ainda não está tão desenvolvido quanto o de um adulto.

Para cuidar da saúde das crianças em viagens, prevenção é sempre o melhor remédio.

Principais cuidados com a saúde das criancas na viagem

Vacinação

Assim que tiver definido o destino da viagem, informe-se sobre a necessidade de tomar vacinas específicas, que eventualmente não façam parte do calendário de vacinação da Sociedade Brasileira de Pediatria. Algumas delas levam um período para surtir efeito no organismo, então não deixe para toma-las na última hora.

Os sites do Ministério da Saúde e da Organização Mundial de Saúde costumam apresentar as informações necessárias atualizadas. Por via das dúvidas, consulte também o site do consulado do destino, o seu agente de viagens e o pediatra da criança.

Lembrando que no caso de viagens internacionais em que haja obrigatoriedade de vacinação específica, é preciso apresentar o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP). Para emiti-lo, apresente seu Cartão Nacional de Vacinação em algum dos Centros de Orientação ao Viajante (é possível agendar atendimento).

Higiene

Durante viagens, é mais importante do que nunca tomar cuidado com a higiene, pois em outros destinos há uma série de bactérias com as quais não estamos habituados.

Para o caso de eventualmente não ser possível lavar bem as mãos com água e sabão antes de se alimentar ou após usar o banheiro, tenha consigo um antisséptico tópico, como álcool gel. Ele também será útil para evitar que as crianças ponham a mão suja na boca após frequentar lugares com muita circulação de pessoas, como parquinhos de diversão ou o metrô.

Outro problema comum em viagens é a intoxicação por impurezas da água. Sempre opte por consumir água mineral engarrafada e lacrada, de preferência de marca ou procedência confiável.

Em destinos mais inóspitos, em que o sistema de tratamento de água nem sempre é de qualidade, tome cuidado ao lavar alimentos ou a chupeta/mamadeira da criança em qualquer torneira. Para tornar a água mais segura para isso, há apresentações comerciais de hipoclorito e/o permanganato de potássio que podem ser adicionados a ela. Consulte um pediatra sobre esses produtos.

Proteção Solar

Faça calor ou faça frio, o uso de protetor solar nas crianças é indispensável quando elas forem ficar ao ar livre. Opte por produtos com formulação adequada à sua faixa etária e que contenham FPS acima de 30, conforme recomendação pediátrica.

Na praia e na neve o cuidado deve ser redobrado, pois há maior incidência de radiação UV, o que pode causar insolação, queimaduras e lábios rachados. Nestes casos, também é indicado o uso de protetores labiais, óculos escuros e chapéus/bonés.

Para bebês e crianças de pele muito clara, vale investir em uma proteção solar extra, como roupas confeccionadas com materiais que intensificam o bloqueio dos raios solares.

Proteção contra mosquitos

Ao viajar para destinos em que há muitos mosquitos, leve repelentes adequados para a pele da criança e tome cuidado redobrado ao entardecer, horário em que a atividade destes insetos é maior. Se a criança for alérgica, vale cobrir a sua pele com roupas de mangas compridas.

Cheque sempre se o hotel possui mosquiteiros disponíveis para as camas das crianças e inseticidas nos quartos. Se não, leve-os na bagagem.

Medicamentos

Em muitos destinos, o acesso a medicamentos pode ser difícil. Por isso, é de suma importância montar um kit de remédios de uso frequente da criança e para os problemas de saúde mais comuns em viagens. Leia sobre isso aqui.

Cuide também da sua saúde

Se, mesmo com todos os cuidados tomados com a saúde das crianças em viagens, elas contrairem algum problema de saúde, é importante tomar alguns cuidados para não ficar doente junto com ela. Afinal, para cuidar dos pequenos durante uma viagem, é melhor estar o mais disposto possível.

Portanto, tome cuidados básicos, como higienizar as mãos após alimentar a criança, trocar fraldas, dar banho e trocar roupas. Além disso, os adultos também devem manter uma alimentação saudável, rica em vitaminas, para fortalecer ao máximo o seu sistema imunológico.

Veja mais Dicas sobre: